AS MELHORES DICAS SOBRE PARIS PARA BRASILEIROS

Posts arquivados em Tag: frança

06 set, 2019

Brasileiros precisarão de autorização de viagem para entrar na França

Brasileiros precisarão de autorização de viagem para entrar na França  Você sabia que os brasileiros precisarão de autorização de viagem para entrar na Europa a partir de 2021? Aprovada pelo parlamento europeu, ela será exigida a turistas de cerca de 60 nacionalidades que não precisam de visto.

Brasileiros precisarão de autorização de viagem para entrar na França

O países que aplicarão o ETIAS são os do Tratado de Schengen, que inclui 22 nações do bloco europeu. E também mais quatro países da UE: Romênia, Bulgária, Croácia e Chipre. O Reino Unido não exigirá a autorização, já que está entre os que não fazem parte do Tratado de Schengen.

Antes de viajar à Europa, os turistas terão de preencher um formulário eletrônico com dados pessoais, informações do documento de viagem e o país em que entrará. Além dos brasileiros, turistas de outras 60 nacionalidades também terão que fazer o processo. Como, por exemplo: canadenses, americanos, australianos e latino-americanos.

A autorização será válida por três anos e vai custar 7 euros. Para viajantes menores de 18 anos ou maiores de 70 anos, será gratuita.

Mas a decisão final para entrar na União Europeia continua com a segurança de fronteira de cada país.

Por que autorização prévia?

Acima de tudo, o objetivo é comparar as informações proporcionadas por cada cidadão com as de distintas bases de dados europeus para identificar, antes de sua saída, as pessoas que apresentem “um risco de migração irregular ou de segurança”.

Aliás, com esse sistema automatizado, inspirado no formulário ESTA, um dispositivo em vigor nos Estados Unidos, a UE pretende proteger melhor suas fronteiras exteriores. Portanto, detectando antes de sua saída para a Europa alguns indivíduos potencialmente perigosos.

Fonte: Globo.com

 

25 jul, 2019

Paris bate recorde de calor

Paris bate recorde de calor

Gente, Paris parece mais um forno.

De acordo com a RFI, a capital francesa registrou 42,4°C na tarde desta quinta-feira, 25/07. Essa é a primeira vez desde que os controles meteorológicos existem que Paris tem temperaturas tão elevadas. A onda de calor também afeta outros países, inclusive no norte da Europa.

Paris bate recorde de calor

Mas foi na região de Paris que os termômetros atingiram os picos. Segundo Météo France, o serviço meteorólogico oficial do país, os termômetros se aproximaram dos 43°C em alguns locais da capital, “o que corresponde à temperatura máxima média em Bagdá no mês de julho”. O recorde parisiense datava de 28 de julho de 1947, quando a capital chegou aos 40,4°C.

As pessoas procuram sombras nas ruas da cidade e muitos chafarizes se transformaram em piscinas. Os turistas, numerosos nessa época do ano, foram surpreendidos pelas altas temperaturas.

A prefeitura de Paris disponibilizou vários espaços arejados para que a população possa se refrescar. Mensagens são divulgados nas principais redes de rádio e televisão, alertando para a necessidade de se hidratar.

Essa é a segunda onda da calor extremo na França em menos de dois meses. As autoridades francesas temem que se repita o cenário de 2003, quando uma onda de calor extremo provocou a morte de 15 mil pessoas, a maioria idosos.

Segundo os serviços meteorológicos, as temperaturas devem baixar a partir desta sexta-feira (26). Fonte: RFI

03 jul, 2019

Tour de France 2019 começa dia 6

Tour de France 2019

A 106ª edição do Tour de France começa no próximo sábado (6), em Bruxelas, na Bélgica. Além disso, a competição mais tradicional do ciclismo terá sua etapa final posteriormente no dia 28 de julho, na charmosa avenida Champs-Élysées, em Paris.

Tour de France 2019

Aliás, a organização do evento preparou um dos percursos mais difíceis da história, segundo palavras do próprio diretor da prova, Christian Prudhomme. ”Nosso desejo não é tornar as coisas mais difíceis, e, sim, mais variadas. Então haverá menos montanhas fora de categoria do que nos anos anteriores, mas haverá mais montanhas médias, onde a prova é mais difícil de ser controlada”.

Confira abaixo todas as etapas do Tour de France 2019

1ª Etapa (06/07): Bruxelas (Bélgica) / Bruxelas – 194,5 km. (Etapa plana);

2ª Etapa (07/07): Bruxelas, Palácio Real (Bélgica) / Bruxelas, Atomium – 27,6 km. (Contra-relógio por equipe);

3ª Etapa (08/07): Binche (Bélgica) / Épernay (França) – 215 km. (Média montanha);

4ª Etapa (09/07): Reims / Nancy – 213,5 km (Etapa plana);

5ª Etapa (10/07): Saint-Dié-des-Vosges / Colmar – 175,5 km (Média montanha);

6ª Etapa (11/07): Mulhouse / La Planche des Belles Filles – 160,5 km (Alta montanha);

7ª Etapa (12/07): Belfort / Chalon-sur-Saône – 230 km (Etapa plana);

8ª Etapa (13/07): Mâcon / Saint-Étienne – 200 km (Média montanha);

9ª Etapa (14/07): Saint-Étienne / Brioude – 170,5 km (Média montanha);

10ª Etapa (15/07): Saint-Flour / Albi – 217,5 km (Etapa plana);

Então, descanso (16/07): Albi;

11ª Etapa (17/07): Albi / Toulouse – 167 km (Etapa plana);

12ª Etapa (18/07): Toulouse / Bagnères-de-Bigorre – 209,5 km (Alta montanha);

13ª Etapa (19/07): Pau / Pau – 27,2 km (Contra-relógio individual);

14ª Etapa (20/07): Tarbes / Tourmalet (Barèges) – 117,5 km (Alta montanha);

15ª Etapa (21/07): Limoux – Foix (Prat d’Albis) – 185 km (Alta montanha);

Então, descanso (22/07): Nîmes;

16ª Etapa (23/07): Nîmes / Nîmes – 177 km (Etapa plana);

17ª Etapa (24/07): Pont du Gard / Gap – 200 km (Média montanha);

18ª Etapa (25/07): Embrun / Valloire – 208 km (Alta montanha);

19ª Etapa (26/07): Saint-Jean-de-Maurienne / Tignes – 126,5 km (Alta montanha);

20ª Etapa (27/07): Albertville / Val Thorens – 130 km (Alta montanha);

Enfim, 21ª Etapa (28/07): Rambouillet / Paris (Champs-Élysées) – 128 km (Etapa plana).

Portanto, se estiver em Paris nessa data, não perca a chance de acompanhar a chegada!

19 jun, 2019

Conheça a charmosa Colmar

Conheça a charmosa Colmar

Que a França possui cidades lindas e históricas, todos sabemos.

Sendo assim, conheça a charmosa Colmar!

Conheça a charmosa Colmar

Antes de tudo, ela fica localizada na charmosa região da Alsácia, na fronteira com a Alemanha e a Suíça. Assim, ela é cheia de belas construções e atrações que exalam romantismo.

Foi fundada no século 9 e já esteve sob o domínio de suecos e alemães, por isso sua arquitetura.

Ela tem muito o que oferecer. Museus, compras e patrimônio cultural, vão deixar você à vontade para escolher.

Com seu estilo de “cidade do interior”, atrai turistas de todo o mundo. Em seu Centro Histórico, é possível encontrar construções restauradas que dizem muito sobre sua história.

Como Chegar

Você pode visitar a cidade de avião, carro, ônibus ou trem.

Avião

O aeroporto de Estrasburgo é o mais próximo de Colmar. Você pode pegar um voo de Paris até Estrasburgo. A partir de Estrasburgo, a distância até Colmar é de aproximadamente 65km.

Carro

Você pode alugar um carro ou até contratar um transporte privativo.

Ônibus

A viagem de ônibus é uma opção mais econômica, mas mais cansativa e demorada. Mas claro, vai da escolha de cada um.

Trem

De trem, que achamos mais prático, partindo de Paris, é possível pegar um trem na Paris Gare de l’Est diretamente para Colmar. Os bilhetes você pode comprar diretamente no site da SNCF. A duração da viagem é de aproximadamente duas horas. Mas assim como o preço, pode variar dependendo da data e horário escolhidos.

12 jun, 2019

O que fazer em Giverny

O que fazer em Giverny

Antes de tudo, você já conhece Giverny?

Nas proximidades de Paris, existem lindas cidades. Uma delas é Giverny, cidade onde viveu o pintor impressionista Claude Monet.

Ela fica há aproximadamente 75 km de Paris e atrai diariamente turistas de todas as partes do mundo.

A casa e os jardins de Monet

Inevitavelmente, a casa e os jardins de Monet são o destaque da cidade. Administrados e preservados pela Fundação Claude Monet, estão abertos diariamente entre o início de abril e o fim de outubro.

O que fazer em Giverny

No entanto, é na primavera que o lugar proporciona maior beleza, principalmente no mês de maio. Mas vale a pena a visita em qualquer época. No último mês de abril, por exemplo, visitamos e as tulipas estavam maravilhosas.

Sugerimos começar o passeio pelos jardins, Le Clos Normand e Le Jardin d’Eau, e concluir na casa. E claro, no final levar lembrancinhas vendidas no local. Não é muito barato, mas para quem gosta, vale a pena!

O mais disputado é o Jardin d’eau. O lago possui uma grande quantidade de ninféias, as flores que serviram de inspiração para a famosa série intitulada Les Nymphéas.

O que fazer em Giverny

Mas a casa onde vivia, que está totalmente restaurada, também é uma atração à parte. Afinal, percorrendo seu interior, se consegue entender um pouco do seu processo criativo e conhecer como ele vivia. Um dos destaques é a cozinha, ela é linda!

Onde comer em Giverny

Existem várias opções de cafés e restaurantes na cidade. Mas existe um, em especial, na frente da Casa de Monet, que se chama Les Nymphéas. Ele possui uma decoração bem rústica e conta com várias opções de pratos franceses. Nós gostamos bastante. Destaque para o omelete!

Dica de horário

Para conseguir conhecer o local com mais tranquilidade, logo pela manhã, próximo da abertura, é o mais indicado. Mas claro, depende de muitos fatores. Além disso, procure comprar seu ingresso com antecedência para evitar fila. E evite finais de semana.

Nós, por exemplo, fomos no início da tarde de uma quarta-feira e não pegamos fila. Então, também depende da sorte.

Como chegar 

Você tem algumas opções para chegar a Giverny. Nós fomos de transporte privativo, pois preferimos optar pela comodidade e conhecer os arredores. Os campos de canola das proximidades são lindos!

Mas você também pode chegar até lá de outras formas:

Trem: na estação Gare Saint-Lazare, você pega um trem sentido Le Havre. A viagem dura entre 45 e 50 minutos e você desce em Vernon. Em seguida, pode pegar um ônibus ou táxi. É bem pertinho, aproximadamente 7 km.

Carro: além do transporte privativo, também existe a opção de alugar um carro. A pista é tranquila e possui um pedágio no percurso. Você levará aproximadamente 60 minutos.

Portanto, visite Giverny. Você vai se surpreender!

 

 

 

22 Maio, 2019

Dica incrível de loja de departamentos em Paris

Dica incrível de loja de departamentos em Paris

Como todos sabem, Paris é repleta de atrações. E para aproveitá-las da melhor forma, é imprescindível um roteiro pontual.

Hoje falaremos mais especificamente sobre lojas de departamentos.  Normalmente, as mais visitadas são Printemps, Galeries Lafayette e Le Bon Marché. E claro, são maravilhosas!

Porém, hoje daremos uma dica muito bacana: BHV Marais. Nós a descobrimos há algum tempo, por acaso. O local é frequentado basicamente por parisienses. Portanto, mais tranquilo, pois é menos procurado por turistas.

Dica incrível de loja de departamentos em Paris

A loja Bazar de l’Hôtel de Ville ou Le BHV Marais fica localizada no Marais, na rue de Rivoli, no 4º arrondissement de Paris , em frente ao Hôtel de Ville. Faz parte do Groupe Galeries Lafayette e é servida pela estação de metrô Hôtel de Ville.

Na loja de departamentos BHV Marais, assim como na Printemps, Galeries Lafayette e Le Bon Marché, você encontra as principais marcas de roupas, acessórios e muito mais. E desde artigos de luxo até marcas mais acessíveis. Mas seu diferencial é oferecer artigos de casa. São muitas opções em eletrônicos, eletrodomésticos e mais.

Obs: para quem gosta de café, assim como a gente, encontramos muitas opções em acessórios, máquinas de espresso e outros.

Portanto, vale muito a pena visitar e também aproveitar as oportunidades. Afinal, o Marais é um bairro demais! Além disso, a loja também está próxima de vários pontos turísticos, como:  Catedral de Notre-Dame, Praça da Bastilha, entre outros.

Endereço:

52 Rue de Rivoli, 75004 Paris, França
Metrô  – Hôtel de Ville: Linhas 1 e 11

28 mar, 2019

Bate e volta de Paris a Genebra

Bate e volta de Paris a Genebra

Você sabia que é possível fazer uma bate volta de Paris para Genebra?

Nós já fizemos, gostamos bastante e abaixo vamos explicar porque.

Bate e volta de Paris a Genebra

Como é possível o bate e volta?

É bem simples, basta pegar o trem de alta velocidade.

Para isso, nós compramos os tickets  no site da SNCF e nos dirigimos até a Gare de Lyon.

Como escolhemos direto, sem conexões, nossa viagem durou aproximadamente 3 horas.

Sobre Genebra

Imagine um lugar onde, após uma pequena caminhada, você conhece lindas paisagens,uma arquitetura belíssima, um lago de águas cristalinas, vitrines das lojas mais conhecidas do mundo, lojas e mais lojas de canivete suíço, e claro, muito chocolate.

Assim é  Genebra, na Suiça, a capital da paz, por sediar a ONU e a Cruz Vermelha.

Conclusão

Portanto, saindo bem cedo, dá tranquilamente para conhecer os principais pontos da cidade e voltar no mesmo dia.

E vale lembrar que Genebra é uma cidade que proporciona conhecer os principais pontos a pé.

Basta fazer um roteiro e voilà!

 

18 mar, 2019

Seguro Viagem é obrigatório em Paris?

Depois de tudo planejado para sua viagem, surge aquela dúvida.

Seguro Viagem é obrigatório para quem viaja para Paris?

A resposta é sim.

O seguro de viagem para a França é obrigatório, assim como em todos os outros países europeus integrantes do Tratado de Schengen.

Seguro Viagem Paris

Mas o que é o Tratado de Schengen?

O Tratado de Schengen é um acordo entre países europeus sobre uma política de abertura de fronteiras e livre circulação de pessoas entre os países participantes.

Se você planeja viajar para esses países, vai ter que contratar.

Alemanha, Áustria, Bélgica, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Holanda, Itália, Islândia, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Polônia, Portugal, República Tcheca, Suécia, Suíça, ou ainda  Liechtenstein*, Bulgária*, Romênia* ou Chipre*, que estão em fase de implementação, então precisa de uma Assistência e Seguro Viagem com cobertura mínima de € 30.000, para auxílio médico em caso de doença ou acidente durante sua viagem.

E se o seguro não for contratado?

O seguro de viagem é obrigatório, mas raramente é solicitada a apresentação do comprovante do seguro pelo oficial na imigração.

Porém, não recomendamos que você corra esse risco.

As consequências podem ser severas, inclusive deportação.

Mas os problemas ainda podem ser outros

Já imaginou passar mal, por exemplo, e precisar de atendimento?

Sem o seguro, os seus gastos podem chegar a altos valores. E falamos isso por experiência própria, pois já precisamos de atendimento de emergência no exterior. E o seguro nos deu todo o respaldo.

Mas onde contratar o Seguro Viagem?

A Seguros Promo, que atua há 53 anos no setor de viagens de lazer e viagens empresariais, oferece planos bem bacanas para nossos seguidores. E melhor ainda, você ganha 5% de desconto usando o cupom AMAMOSPARIS5. Faça agora seu orçamento clicando AQUI.